segunda-feira, 23 de janeiro de 2017

JOVEM CRISTÃO: TRÊS LOJAS PARA COMPRAR ARTIGOS EVANGÉLICOS


    Pode ser que essa postagem cause discórdia, mas já adianto que nem de longe essa é a minha intenção. Sei que muitos são contra esse "mercado gospel", mas eu não vejo tudo dessa forma. Acho que uma coisa é o crente pagar para seguir uma doutrina, outra coisa é ele pagar por um livro, uma camiseta, um acessório, ou qualquer outra coisa que ele teria de comprar de qualquer forma, sendo cristão ou não, pelo simples fato de ser um humano e fazer uso desses artigos no cotidiano. Sabendo que o normal não é andar pelado por aí, não vejo problema em comprar uma blusa com uma passagem da Bíblia se eu me sentir confortável usando-a.
     Então, para quem tem interesse, indicarei três lojas online voltadas para o público evangélico.


    A Arca Center, para quem não conhece, é a loja virtual da UniPro Editora, do grupo Universal. Contudo a loja não vende somente produtos exclusivos dos frequentadores da Igreja Universal do Reino de Deus, existem dezenas de livros à venda que auxiliam no entendimento e desenvolvimento espiritual, além de peças de vestuário, Bíblias, cds e dvds. E talvez quem frequenta a igreja se interesse mais por itens do Godllywood, ou do Intellimen, Namoro/Casamento Bindado, entre outros.

   JesusCopy é uma mobilização para-eclesiástica com a missão de pregar uma fé inteligente que transforma indivíduos e comunidades inteiras através da imitação de Cristo. E possui loja virtual também, onde é possível encontrar livros, Bíblias, camisetas e acessórios.

    Por último, mas não menos importante, a loja Aleluya Bells - vamos além das camisetas evangélicas, mais do que uma marca, somos uma atitude criativa na hora de anunciar a verdade - possui artigos de vestuário, bonés, bottons e outros acessórios, canecas, pôsteres e quadros. E tratando de design é a minha favorita :)

    Se gostou, ou quer ver mais postagens desse tipo por aqui, deixe um comentário aqui embaixo e um curtir lá na página do blog no Facebook. Obrigada e até :*

COMO PROGRAMAR POSTAGEM NO FACEBOOK


    Para o mundo que eu quero descer. A gente faz curso de análise e desenvolvimento de sistemas e já acha que sabe tudo da internet, né? Daí vem um Facebook da vida e te dá um tapa na cara, muito bem dado. Eu mal posso acreditar que não tinha visto isso antes, mas como pode ser que você também não tenha visto, vim pra explicar como programar uma postagem na sua página do Facebook. Se quiser aprender é só ver o passo a passo abaixo:

    1. Abra a página do Facebook no navegador e clique sobre o campo para escrever uma publicação. Crie a postagem normalmente, mas NÃO clique em publicar. Ao invés disso, clique na pequena seta (sempre elas) que aparece ao lado do botão.
    2. Em seguida clique em "Programar".


    3. Uma janelinha irá aparecer, onde você poderá configurar data, hora e distribuição. Uma vez feito isso, clique em "Programar".


    4. Pronto, agora sua publicação está ali. Clicando em "Ver publicação" você consegue visualizar a prévia dela para desktop ou celular, além de editar, ou excluir.


   Como diria um professor meu do cursinho que eu jamais esquecerei: nossa, nossa, que facinho. Então, se você curtiu a dica e nunca mais vai deixar sua página sem postagem graças à essa redescoberta - haha - curte lá a página do NB, ou deixa aqui um comentário, ou os dois, você quem manda :*

sexta-feira, 20 de janeiro de 2017

PROJETO: #DONASDARUA

Nem os desenhos nem o #DonasdaRua possuem relação com o Neon Básico, o nome aparece na imagem apenas por padrão de publicações do blog e pela colagem ter sido feita especialmente para essa postagem.

     Na imagem do meu perfil aqui no blog, essa que não aparece meu rosto inteiro, vocês podem notar uma característica bem marcante minha: meus dentes. Pois é, eu sou dentuça. Mas quem me acompanha aqui no blog pode notar outras características marcantes que tenho, por exemplo: sou perseverante, otimista, gosto de compartilhar ideias e vivo aberta a receber coisas novas também, falo o que penso, penso o que faço e faço o que falo, eu acredito na minha capacidade e não me envergonho da minha personalidade. Como o próprio "slogan" do blog diz: não precisa ser preto para ser básico, ou neon para ser chamativo. Aqui eu falo do que, pra mim, merece destaque.
    Essa semana eu ganhei algumas coisas da Turma da Mônica de um amigo meu e daí fiquei pensando, em que momento falei pra ele que a Mônica era uma das minhas personagens favoritas da vida? A resposta é que eu nunca disse isso, ele me deu porque nos acha parecidas, não só pelo dente, mas é que nós duas sabemos impôr respeito. Olha que máximo ouvir isso rs. Eu não vim aqui pra falar do slogan do blog, nem dos meus presentes e elogio, vim falar do projeto Donas da Rua, da Maurício de Sousa Produções. 

[...]Você talvez não tivesse nascido ainda, mas, em 1963, Mônica estreou na tirinha do Cebolinha publicada num jornal chamado Folha da Manhã, atual Folha de S. Paulo. Já em sua primeira aparição, ela mostrou que as meninas podiam ter seu espaço e que não é preciso corresponder a padrões de beleza para ser dona da rua. Naquele tempo, poucas mulheres se formavam na universidade. E também eram poucos os trabalhos considerados “adequados” para elas: professora, enfermeira, aeromoça... Nos esportes, era parecido: futebol feminino foi proibido no Brasil entre 1941 e 1981 (40 anos!), acredita? Desde então, muita coisa mudou, mas ainda há muitos impedimentos para que as meninas tenham pleno acesso a seus direitos e às oportunidades com que sonham. [...] O que queremos? Contribuir para que os direitos das meninas sejam respeitados, para que elas possam ser o que quiserem ser. O ponto central do projeto #DonasdaRua é produzir e agregar conteúdos que vão demonstrar, através de histórias e exemplos, como meninas do Brasil e do mundo podem exercitar seu direito de ser o que quiserem e entender melhor conceitos como empoderamento e igualdade de oportunidades. 

[...] Como faz há 50 anos, a MSP quer usar a enorme influência de seus personagens para continuar transmitindo mensagens positivas, incentivando o respeito e a igualdade de oportunidades para todas as crianças.
Desde 2007, a personagem Mônica é embaixadora do Unicef (Fundo das Nações Unidas pela Infância) e defende os direitos das crianças e adolescentes. E, em 2016, a Mauricio de Sousa Produções assinou osPrincípios de Empoderamento das Mulheres da ONU — uma iniciativa da ONU Mulheres e do Pacto Global que orienta o setor privado na promoção daIgualdade de Gênero no ambiente de trabalho, mercado e comunidade. 

    Bom, eu já compartilhei minha história lá no site. Falei sobre a minha área também, que é computação, e que até hoje possui pouquíssimas mulheres. Qual não foi minha surpresa ao ver que Ada Lovelace foi a terceira homenageada do #DonasdaRua da história.  
    Ai, só sei que hoje dediquei um bom tempo a matar a saudade da Mônica. Estudei o projeto, li umas tirinhas, planejei um passeio para o Parque da turma lá no SP Market com as sobrinhas e me apaixonei pela lojinha onde é possível encontrar também produtos das Donas da Rua, cujo parte da venda é revertida em doações para projetos ligados à defesa dos direitos das meninas. Não é massa? Sim, é. Olhe alguns itens da loja online:


    Visite o site da DDR, o site da Turma da Mônica, conheça a lojinha da Mônica e curta a página do blog no Facebook se quiser rs Até :*

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...